Marca do CREA-PA para impressão
Disponível em <https://creapa.org.br/crea-pa-prefeitura-e-policia-militar-realizam-acao-conjunta-em-itaituba/>.
Acesso em 23/04/2024 às 05h56.

CREA-PA, Prefeitura e Polícia Militar realizam ação conjunta em Itaituba

Na última terça-feira (05/04), uma operação conjunta entre o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA), Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Mineração (SEMMAM), Secretaria Municipal de Arrecadação e Tributos (SEMAT) e Polícia Militar foi realizada em Itaituba, visando a fiscalização de uma área de invasão e o cumprimento da Lei 5.194/66, no caso do CREA.

7 de março de 2024, às 9h04 - Tempo de leitura aproximado: 1 minuto

Na última terça-feira (05/04), uma operação conjunta entre o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA), Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Mineração (SEMMAM), Secretaria Municipal de Arrecadação e Tributos (SEMAT) e Polícia Militar foi realizada em Itaituba, visando a fiscalização de uma área de invasão e o cumprimento da Lei 5.194/66, no caso do CREA. A Inspetora do CREA-PA de Itaituba, Engª. Ambiental Magda Tayane, e o agente fiscal Giovani Menezes, foram participantes ativos desta iniciativa.

A Inspetora Magda enfatizou a importância da fiscalização conjunta para garantir que obras e serviços de engenharia sejam realizadas por profissionais habilitados e registrados no CREA-PA. “É fundamental que todos os setores envolvidos trabalhem juntos para garantir que os profissionais atuem de acordo com as normas éticas e técnicas estabelecidas, promovendo assim a segurança e a qualidade das atividades desenvolvidas por esses profissionais”, destacou a inspetora.

Durante a operação, foram identificadas algumas irregularidades, como edificações em Área de Preservação Permanente (APP), falta de licenciamento ambiental, obras em desacordo com as normas de segurança e descarte inadequado de resíduos sólidos.

O trabalho conjunto entre CREA, SEMMAM, SEMAT e Polícia Militar reforça a importância da integração entre os órgãos públicos na fiscalização. Ações como esta contribuem para o fortalecimento das políticas de proteção e desenvolvimento sustentável da região de Itaituba.